Não deixe o estresse fazer isso com você

O estresse é uma reação frente a qualquer evento que exija adaptação do organismo. Por isso, ele deve ser entendido como uma relação particular entre uma pessoa, seu ambiente e as circunstâncias as quais está submetida. É quando essa pessoa enxerga uma situação como uma ameaça ou algo que exija dela mais do que suas próprias habilidades ou recursos, colocando seu bem-estar em perigo.

As principais causas do estresse são excesso de atividades, acúmulo de raiva e sentimentos negativos, problemas de relacionamento, descontrole diante de situações críticas. Além de, preocupação excessiva, falta de descanso, dificuldade de lidar com as perdas.

Fases da evolução

1. Fase de alerta: ocorre quando existe reação a uma ação externa. Nessa fase podem surgir problemas fisiológicos como taquicardia (batimento mais rápido e forte do coração), respiração acelerada e suor frio.

2. Fase de resistência: é a luta do organismo contra a fase de alerta. Por isso, nesse momento, o indivíduo pode controlar-se – nesse caso, o estresse passa desapercebido – ou continuar estressado. Normalmente, o corpo começa a responder com mudanças de comportamento, insônia e descontentamento

3. Fase de exaustão: quando a situação de estresse pesiste, é possível surgir uma série de doenças crônicas. Nesse último estágio podem aparecer problemas emocionais, fadiga crônica e alterações do sono.Tudo isso pode contribuir para o agravamento de problemas como pressão alta, úlceras, gastrite, diabetes, entre outros.

Prevenção do estresse

O primeiro passo para evitar as manifestações de uma situação de estresse é a realização de uma auto-análise. Ela pode ser feita pela própria pessoa, ou por um especialista, com o objetivo de revelar os pontos fracos. Alguns especialistas sugerem que, após identificar suas limitações, as pessoas mudem radicalmente seu estilo de vida. Assim elas podem ser mais felizes, o que não significa falta objetivos em suas vidas.
Confira algumas mudanças no estilo de vida que servem para todos:

  • Alimente-se de maneira saudável e em períodos regulares;
  •  Reavalie suas atividades e modo de pensar;
  • Evite o fumo, café e bebidas alcoólicas;
  • Mantenha pelo menos uma atividade física periódica, com orientação médica;
  • Administre seu tempo, realizando uma atividade por vez;
  • Programe e tire férias anuais;
  • Crie e mantenha atividades de lazer;
  • Durma oito horas diariamente;
  • Resolva os problemas de forma racional, encarando-os positivamente;
  • Delegue atividades e aprenda a trabalhar em grupo;
  • Procure ser mais compreensivo e menos exigente;
  • Mantenha a mente alerta e o corpo relaxado;
  • Desenvolva um bom relacionamento interpessoal;
  • Procure conhecer seu organismo e respeite-o, não ultrapassando seus limites;
  • Melhore sua qualidade de vida!

evite-estresse-estilo-de-vida-saudavel-emma-simpson-153970-unsplash

Estar em situação de estresse de vez em quando não é prejudicial ao organismo, pois ele precisa reagir aos acontecimentos inesperados. O grande problema é a permanência nesse estado, que pode causar um infinidade de complicações.

Saiba também sobre os 5 hábitos fundamentais para melhorar sua produtividade!

Adaptação do texto da Unimed Paulista.

Comentários